Notícias

Voltar

Nova profissional do Humana Clinic traz orientação nutricional para bebês

Acompanhamento na introdução alimentar a partir dos seis meses de idade é importante para manter saúde.

11/03/2019 11:51:00
A nutricionista Desirée Matos faz acompanhamento nutricional dos seis meses até a terceira idade

A preocupação com a alimentação dos filhos é uma constante na vida das mães e saber o momento certo e quais alimentos devem ou podem ser introduzidos no cotidiano dos bebês é fundamental para manter a sua saúde. A nutricionista Desirée Matos, nova profissional do quadro de especialistas do espaço Humana Clinic, trabalha com nutrição funcional a partir dos seis meses de vida da criança e estará orientando as mães sobre como introduzir da forma correta os alimentos nessa fase.

"Eu vou auxiliar as mães nesse momento que é um momento criterioso, em que o bebê está aprendendo o que são os alimentos e existem algumas coisas que precisam ser direcionadas, que tem a ver com os reflexos de sucção do bebê. O meu trabalho é justamente acompanhar as mamães e dar um suporte para que o processo seja o mais tranquilo possível", explica a nutricionista.

Ela esclarece ainda que além do cuidado com o que a introdução dos alimentos, o ambiente onde a criança come tem influência.

"A primeira dica é que a mamãe fique atenta ao ambiente em que o bebê está se alimentando. É importante que a criança esteja em um ambiente tranquilo e que possa visualizar os alimentos. Isso porque é um processo que precisa de um tempo. A criança vai estar conhecendo a comida, por isso, não faça aquela papinha misturada, deixe o bebê ver as cores dos alimentos, assim, ele vai aprender a distingui-los melhor e cada sabor estará associado a uma cor e será mais atrativo também", orienta Desirée Matos.

Segundo ainda a nutricionista, é importante que a mãe não exclua da dieta da criança alimentos dos quais não goste. “Se você não gosta de feijão não exclua feijão do cardápio do seu bebê. Ele é outra pessoa, não crie rótulos alimentares que você tenha para o seu filho também, isso vai deixar a alimentação dele bem mais nutritiva", pondera.

Entre os alimentos que devem ser evitados para essa faixa etária estão os clássicos. Nada de açúcar, nem excesso de sal, isso inclui comidas e bebidas com essas substâncias. "O bebê não sabe o que é açúcar, não sabe o que é sal, então, não tem necessidade de você adicionar isso no alimento dele", afirma Desirée.

Nutrição funcional para terceira idade

A nutricionista também realiza um trabalho de assistência ao tratamento de todas as crônicas não transmissíveis como diabetes, hipertensão arterial, obesidade, além de auxiliar na alimentação voltada para a terceira idade.

"A alimentação está relacionada à cultura, relacionada à nossa saúde e ao nosso bem-estar. Então, é muito importante você cuidar da sua alimentação, não só para você evitar doenças a longo prazo, mas para que você viva com qualidade. Se você tem uma nutrição ineficaz, você sente no dia a dia, você dorme mal, você se estressa com mais facilidade, então, você não vai vivendo ela com uma qualidade adequada", finaliza.

Para obter mais informações sobre horário de atendimento para a especialidade oferecida no Humana Clinic, ligue para 3221-3842 ou faça uma visita à sede da Humana Saúde, que fica na av. Frei Serafim, nº 2155 - Centro 64.000-020 - Teresina - Piauí3221-3884.

Por Catarina Santiago

0 comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

Nossos Programas