Notícias

Voltar

Cansado de fazer os mesmos exercícios? Saiba mais sobre o treino funcional

Esse tipo de treinamento exige o estímulo de mais de um grupo muscular ao mesmo tempo, inclusive aqueles responsáveis pela postura e equilíbrio.

22/04/2019 13:42:00
Imagem: Pixabay

O treino funcional vai muito além de se exercitar e deixar músculos mais fortes — a proposta é uma prática de movimentos que exigem o estímulo de mais de um grupo muscular ao mesmo tempo. Dependendo do exercício pode-se treinar o corpo todo em conjunto, o que é chamado de movimento global.

Um dos principais benefícios deste tipo de treino é o fortalecimento do core –conjunto de 29 pares de músculos entre o abdômen e o quadril, responsáveis pela postura e equilíbrio –, considerado o pilar de sustentação do corpo.

O funcional também tem outra característica diferenciada das outras modalidades: ele exige, na mesma sessão de treinamento, variadas capacidades físicas do corpo, como força, resistência, mobilidade, estabilidade, agilidade, alongamento, equilíbrio e muita coordenação motora. Isso faz com que o aluno seja estimulado a melhorar seu nível de concentração e performance.

Outra característica interessante são os períodos de descanso muito curtos, ou até mesmo não existentes, o que torna a sessão mais desafiadora e menos monótona.

E para quem busca benefícios estéticos, o funcional permite que seus praticantes atinjam resultados notórios rapidamente. Por ser um treino de alta intensidade e envolver tantas capacidades físicas ao mesmo tempo, a queima de calorias é muito maior do que nos treinos convencionais.

Por outro lado, esse não é um treino que desenvolve tanto a massa muscular quanto a musculação. A maior característica é tornar seu corpo forte e, como o nome sugere, altamente funcional. Você pode não ficar com grandes músculos, mas terá uma musculatura modelada e extremamente resistente, o que proporciona uma boa performance em outras atividades, como corrida, futebol, lutas, natação, entre outras.

Por fim, o funcional também oferece o benefício de treinar em grupo — reunir pessoas queridas ou até mesmo fazer novas amizades durante a prática das atividades. Ter outras pessoas motivando nas horas mais difíceis do treino faz com que os praticantes tenham, a cada sessão, uma evolução considerável, não apenas no físico, mas também na mente.

Quem pode treinar funcional?

É importante que você converse com seu treinador sobre suas limitações físicas e, se apresentar algum problema de saúde, consulte um médico antes de começar. Todo bom profissional sabe quais as adaptações podem ser feitas para suprir a necessidade de cada praticante sem tirar o prazer e a intensidade do treino.

Em alguns casos de patologia, o treinamento funcional é um grande aliado na prevenção ou recuperação, desde um joelho dolorido até certas deficiências.
O mesmo treino pode ser aplicado para diferentes públicos, apenas alterando o tempo ou a quantidade de repetições.

Esse formato de treino é muito democrático, seja em grupo, seja sozinho, seja para melhorar a performance, seja para abandonar o sedentarismo. Se você ainda não praticou, procure um profissional qualificado e dê o "start" na transformação do seu estilo de vida.

Fonte: UOL
Edição: C.S. 

0 comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

Nossos Programas