O que você pode fazer para cuidar da sua pele?

A maioria dos casos poderia ser evitada com medidas simples de proteção solar. Veja o que você pode fazer para cuidar da sua pele

Publicado em: 22 de Dezembro de 2016
Tamanho da letra:
A
A
Link permanente:
   

O câncer de pele é o tipo de tumor mais incidente na população. Cerca de 25% dos cânceres do corpo humano são na pele. Qualquer célula que compõe a pele pode originar um câncer, logo existem diversos tipos de câncer de pele. O principal fator de risco é a exposição solar ao longo da vida sem proteção adequada, responsável por 90% dos casos. Além disso, pessoas com pele, cabelo e olhos claros, adultos do sexo masculino, história familiar, pessoas que já tiveram câncer de pele e imunidade enfraquecida também aumentam o risco para o desenvolvimento deste tipo de câncer. A maioria dos casos poderia ser evitada com medidas simples de proteção solar. Veja o que você pode fazer para cuidar da sua pele: 

Use filtros solares diariamente, em todas as áreas expostas do corpo

A exposição solar desprotegida agride a pele, causando alterações celulares que levam ao câncer. Utilize um filtro solar que proteja contra radiação UVA e UVB e tenha um fator de proteção solar (FPS) 30, no mínimo. Utilize o protetor antes de sair de casa e reaplique ao longo dos dias a cada duas horas se houver muita transpiração e exposição solar prolongada.  O filtro solar deve ser usado todos os dias, mesmo quando o tempo estiver frio ou nublado, pois a radiação UV atravessa as nuvens.

Evite a exposição solar entre 10 e 16 h

Ao sair ao ar livre procure ficar na sombra, principalmente no horário entre as 10h e 16h, quando a radiação UVB é mais intensa. Os raios UVB são os mais prejudiciais, responsáveis por aquela pele avermelhada, que fica ardendo, e sua concentração é maior nos horários centrais do dia, quando o sol está mais forte. Já os raios UVA são aqueles que deixam a pele bronzeada e oferecem menos risco.

Use boné ou chapéu de aba larga, camisas de manga longa e calças compridas para proteger do sol

Cubra as áreas expostas com roupas apropriadas, como uma camisa de manga comprida, calças e um chapéu de abas largas. Óculos escuros também complementam as estratégias de proteção.

Observe regularmente a própria pele

Examinar sua pele periodicamente é uma maneira simples e fácil de detectar precocemente o câncer de pele. Em um local bem iluminado e, com a ajuda de um espelho, inspecione completamente todas as partes do seu corpo, desde a cabeça até os pés, observe bem o rosto, couro cabeludo, braços, antebraços, mãos, tórax, abdômen, região genital, coxas, pernas e pés. É importante observar se há manchas ou alterações em pintas que mudaram de tamanho, forma ou cor. O diagnóstico precoce é muito importante, já que a maioria dos casos detectados no início apresenta bons índices de cura.

Consulte um dermatologista  

Caso apresente alguma alteração na pele, o recomendado é consultar o especialista. Ele fará uma avaliação completa da pele e indicará o tratamento adequado.

Lembre-se: o câncer de pele tem cura quando diagnosticado e tratado precocemente.

Ana Angélica Oliveira – Enfermeira

Programa Saber Viver

Edição: A.N.

Comentários

Nenhum comentário cadastrado. Seja o primeiro!

Deixe seu comentário



Seu comentário *